Justiça eleitoral suspende pesquisa Datatrends em Itaíba

Por Giro das Cidades em 07/07/2024 às 00:21:47

Suspeitas de irregularidades levaram a juíza eleitoral da 143ª zona, Dra. Luciana Dambroski Cavalcanti a proibir a divulgação da pesquisa do Instituto Datatrends e do blog Edmar Lyra sobre a disputa eleitoral em Itaíba, no Agreste de Pernambuco. Registrada no sistema PesqEle como PE-02183/2024, caso a pesquisa seja divulgada a multa pode chegar a até R$ 150 mil. A ação foi movida pelo Partido Movimento Democrático Brasileiro - MDB de Itaíba.

Segundo a magistrada, "a pesquisa deixou de atender a todos os requisitos exigidos na Resolução TSE n. 23.600/2019, o que constitui uma irregularidade e, portanto, não pode continuar a ser divulgada" e em determinadas perguntas teria uma abordagem direcionada a induzir o eleitorado a uma vinculação política.

Alega também que "inexistem dados quanto ao responsável pelo pagamento do trabalho realizado, ou seja, infringindo o disposto no art. 2º, inciso VII, da Resolução supracitada".

Em sua decisão, a juíza eleitoral afirma que o "perigo de dano é evidente, diante da continuidade da divulgação de pesquisa que, a priori, não cumpriu com os requisitos regulamentares, pesquisa que pode acabar por influenciar a pré-campanha e o próprio pleito que se avizinha".

Comunicar erro

Comentários

MBRITTO GIF