Operação prende hacker e esposa suspeitos de invadir celular e transferir R$ 4 milhões de empresa

Por Giro das Cidades em 12/01/2024 às 22:21:27

A Polícia Civil deflagrou uma operação para prender suspeitos de hackear contas banc√°rias e roubar quase R$ 4 milhões. De acordo com a corporação, um hacker e a esposa dele foram presos em Goi√°s, a partir das investigações da polícia pernambucana. Além disso, foram cumpridos 26 mandados de busca e apreensão em Pernambuco, no Piauí e em Goi√°s.

De acordo com o delegado Eronides Meneses, da Delegacia de Repressão aos Crimes Cibernéticos, as investigações começaram depois que um banco registrou uma queixa-crime após identificar mais de 150 transações banc√°rias para diversas pessoas, saindo da conta de uma empresa, que também fez a denúncia.

"Eles enviavam um fishing para a vítima e conseguiam resgatar a linha telefônica da pessoa, habilitando, assim, equipamentos para fazer transações na conta banc√°ria. Então, habilitaram o equipamento e foram l√°, numa noite, e fizeram 150 transações", declarou o delegado.

Foram cumpridos mandados de busca e apreensão nas seguintes cidades: Recife, Cabo de Santo Agostinho, Moreno, Escada, Vitória de Santo Antão, Santa Terezinha, Minaçu (Goi√°s), Trindade (Goi√°s) e Teresina (Piauí). Também foi feito o sequestro de veículos e de valores que podem chegar a R$ 8 milhões.

"Eles conseguiram habilitar [o celular] justamente porque este banco, especificamente, permite que voc√™ habilite um equipamento para fazer transações com um mero SMS. E aí, eles, com a posse da linha telefônica, habilitaram o equipamento", explicou o delegado.

Fonte: G1

Comunicar erro

Coment√°rios

MBRITTO GIF